One love…

Você possivelmente já ouviu falar do amor sob as mais diversas perspectivas. Das suas diversas manifestações. Quem sabe leu algo sobre a diferença entre amor e paixão. E sem dúvida cruzou com alguém que quis provar sua inexistência. Certamente amargurado com um amor perdido.

Quero contar sobre um tipo de amor em especial. Uma forma de manifestação que não exige reciprocidade e que ainda assim não é platônico. Independe da distância, condições e lógica. Com ele apenas o desejo do querer bem, sem dores, cobranças, tristezas, decepções. É preciso lembrar que não exige condição ou lógica.

Sendo assim, continuo a cultivar este sentimento.

Passam os dias e em todos lhe desejo que sua vida siga um rumo bom e que suas escolhas sejam sempre acertadas. Desejo que ninguém lhe faça mal e que a sorte sempre caminhe ao seu lado. Desejo também que você ame e seja amada. Não necessariamente correspondida em exatas proporções, mas o suficiente para sentir que valeu a pena. E então, amando e sendo amada, que este amor se manifeste de diversas formas, porém intenso, verdadeiro e se assim quiser o destino, eterno.

De você não peço nada em troca. A motivação existencial do que sinto é apenas sua felicidade plena. Não sei explicar de forma clara ou coerente como de fato nasce este amor. Muito provavelmente se constrói ao longo de muito tempo, motivado pela nossa incapacidade de administrar os caminhos tão diferentes que cada vida segue. Quase me esqueço. Respeitar os caminhos naturais da vida, aquilo que alguns chamam de destino é ingrediente principal para sua manifestação.

Foi assim, quando nossos caminhos tomaram direções opostas que ele se manifestou enfim. Ou talvez o percebi transformado ou adaptado.

Hoje, conheço pouco sobre sua vida, sua rotina, seus anseios e amigos. Espero no estanto que sejam justos e divertidos. Hoje desconheço os seus planos para o futuro e nem espero que eu esteja neles, quero somente que você os alcance e que torne cada um realidade. Que ao olhar para trás, você se sinta realizada e orgulhosa de si mesma. Vai garota…

Hoje desconheço como são seus dias. Espero ainda assim, que sejam sempre ensolarados, com uma refrescante chuva no final da tarde. Talvez porque eu me sinta feliz em dias assim. E talvez você também se sentirá.

Eu não lhe vejo acordar todos os dias e por isso eu desejo que suas manhãs carreguem sempre a motivação necessária para começar sempre. Que então, a preguiça lhe encontre apenas nas manhãs de sábado para lhe fazer ficar até mais tarde na cama.

Eu nunca lhe disse, mas queria que soubesse. Quando inimigos se erguerem contra você, mesmo que um exército inteiro deles, você deve ter fé e não temer. Espere na fé de Deus.

Você nunca mais dividiu comigo os momentos ruins. Eu quero acreditar que eles não existem. Porém, se minhas orações não tenham sido suficientes para evitá-los, que você lembre que em mim tens minha eterna fidelidade que nunca lhe negará a mão.

Eu lhe percebo distante e só espero que seja sempre assim.
Que você esteja feliz como éramos quando criança.

À você, minha irmã, todo o meu amor.

Share: